Exposição
Exposição
A exposição “A Invenção da Amnésia” propõe ao visitante a deambulação por um território fragmentado, composto por fotografias, vídeos, desenhos, mapas, textos e registos áudio, cujos elementos se vão interligando na tentativa de apreensão de uma paisagem. O visitante pode percorrer este território: clicando e arrastando com o rato do computador no espaço branco, trazendo para o ecrã novos fragmentos; fazendo scroll, aproximando-se ou distanciando-se das imagens; permanecendo sobre algumas das fotografias e mapas, ativando assim os sons e vídeos associados; ou clicando nas imagens e, a partir daí, fazer a ligação para outras camadas da exposição, que se vai reconfigurando através de múltiplas combinações.

A Invenção da Amnésia, da autoria de Fernando Brito, Miguel Rodrigues, Nuno Andrade e Renato Japi e com a participação de André Fontes, é um projeto coletivo de residência artística em torno do traçado da EN 10, estrada que, com interrupções e ramais, faz a ligação entre Sacavém e Cacilhas. Para além da delimitação geográfica do projeto, a estrada serve, também, como ponto de confluência de ideias, práticas e rotinas, não só de trabalho, mas de experiencia dos autores e foi escolhida precisamente por isso: é, ao mesmo tempo, o palco das rotinas, presentes ou passadas, de todos os autores que integram o projeto – essa partilha é condição de participação – e, pela natureza do seu traçado, palco dos elementos que são explorados nos trabalhos: a circularidade – a estrada é, ela mesma, uma espécie de proto circular; a repetição – como circuito periurbano, é ligação para as rotinas de commute de muitas das pessoas que habitam nas zonas que serve; e a memória/esquecimento – por ser tão próxima dessas rotinas, a estrada é, também, praticamente invisível para quem nela se desloca. Estes três elementos são postos em prática através de um diálogo entre a tradição documental, tida como a observação à distância de uma determinada realidade, e a experiência imediata, imersiva, do espaço; procurando trazer para o espaço de observação a materialidade, a gestualidade, a corporeidade e a memória processual desta experiência.

Ficha técnica:
Exposição “A Invenção da Amnésia”

Projeto de:
Fernando Brito,
Miguel Rodrigues,
Nuno Andrade
Renato Japi

com a participação de:
André Fontes

Coordenação:
João Abreu
Margarida Carvalho

Curadoria:
João Abreu

Programação:
Nuno Palma

Design Gráfico:
Mariana do Vale